Home > Perguntas e Respostas > Quanto tempo demora para o cabelo crescer depois da Quimioterapia?

Quanto tempo demora para o cabelo crescer depois da Quimioterapia?

O câncer ataca sem aviso prévio, com maior ou menos gravidade, exige sempre um tratamento devidamente cuidado de forma a irradiar.

Um dos tratamentos envolve a quimioterapia. Através deste tratamento, as células cancerosas são destruídas, porém, ele não seleciona apenas as cancerosas, acabando por matar também células saudáveis. É por esta razão, que muitas pessoas, após serem submetidas à quimioterapia, acabam por perder uma parte dos seus cabelos.

Esta perda muito raramente é permanente e definitiva, sendo que quando terminar o tratamento dá-se o processo de regeneração capilar. Porém, este processo é lento, e muitas pessoas não têm noção de quanto tempo vai demorar para o cabelo crescer novamente após a quimioterapia.

A perda de cabelo pode ser parcial ou total. Para algumas pessoas o cabelo não cai totalmente, acaba por ficar mais fino e quebradiço.

Quanto tempo demora para crescer o cabelo depois da quimioterapia?

As taxas de recrescimento capilar após um tratamento contra o câncer dependem da idade, saúde, etnia e outros fatores da pessoa.

O tratamento quimioterápico para além de afetar as células cancerosas também afeta as saudáveis. Assim, durante esse tratamento, pode atacar os folículos capilares que promovem o crescimento do cabelo. Quando isto acontece, as pessoas que estão recebendo este tratamento, começam a perder o cabelo não só na cabeça, como também em outras partes do corpo (cílios, sobrancelhas, etc…).

Após o inicio do tratamento a perda de cabelo começa geralmente a partir da 2º semana e continua a piorar entre 1 a 2 meses.

Ao contrário do que algumas pessoas pensam, o cabelo não volta a crescer logo que a última sessão de tratamento de quimioterapia seja feita. Os remédios vão continuar no corpo e vão demorar algum tempo para deixar o organismo e parar de atacar as células saudáveis.

Depois do último tratamento, vai começar a ver o cabelo a crescer novamente algumas semanas após o último tratamento. Neste momento surgem apenas alguns cabelos finos e dispersos. O crescimento adequado começa dentro de 1 ou 2 meses após o último tratamento.

Ainda assim, em casos raros, é possível que algumas pessoas possam nunca mais vivenciar o crescimento capilar. Este caso é mais frequente em quimioterapia para tratamento de câncer da mama.

Veja também: O que causa Câncer da Mama e seus Sintomas

Acontecimentos após terminar da quimioterapia – Tempo para crescer o cabelo

Assim que acaba o tratamento com quimioterapia, estes são os eventos que vão ocorrer ao longo do tempo:

  • Após 2-3 semanas: Aparecimento dos primeiros cabelos, finos, claros e dispersos;
  • Após 1-2 meses: Começa a crescer o cabelo mais grosso;
  • Após 2-3 meses: Cerca de 2 centímetros de cabelo já terá crescido;
  • Após 6 meses: Já terá crescido 3 a 5 cm de já terá crescido e tapado algumas falhas de cabelo;
  • Após 1 ano: O cabelo já atinge um tamanho de 10 a 15 centímetros tendo já um tamanho suficiente para escovar.

Qual a aparência e textura do cabelo após quimioterapia?

Depois deste tratamento, o cabelo começa a nascer com uma textura muito fina. Por vezes, alguns folículos pilosos podem estar mais ativos que outros, levando a um crescimento desregular de alguns cabelos, ficando uns maiores que outros.

Com o passar do tempo o cabelo irá adotar um padrão de crescimento regular, mas a textura pode não ser a mesma de como era antes. Após o tratamento com a quimioterapia o cabelo pode mudar de cor, ficar mais frágil ou com outro “estilo”. Estas alterações podem ser permanentes ou temporárias.

Como fazer o cabelo crescer depois da quimioterapia?

É normal a pessoa estar apressada para ver o seu cabelo voltar a crescer assim que o tratamento com a quimioterapia terminar. Porém existem alguns procedimentos que as pessoas adotam, pensando estar a promover o crescimento do cabelo, mas tais devem evitar! Assim como também existem algumas técnicas que podem ajudar a crescer o cabelo.

Um das principais regras é evitar puxar ou escovar excessivamente os cabelos! Apesar de se pensar que estão a promover o crescimento, esta prática irá causar mais perda de cabelo. O uso de dispositivos de aquecimento para alisar o cabelo ou de secadores, também podem danificar e enfraquecer o cabelo, tornando-o ainda mais fino e quebradiço.

Existem também alguns remédios que estimulam o crescimento do cabelo. O balanço benefício/risco deve ser bem discutido com o seu médico de forma a entender se pode usar tais remédios e se realmente será necessário recorrer aos remédios para acelerar o processo de crescimento do cabelo.

Perder o cabelo durante a quimioterapia é perturbador, porém a calvície é quase sempre temporária!